Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

"à espera de godot"

"... é uma coisa que não é, mas faz de conta que é para ver como seria se fosse."

"à espera de godot"

"... é uma coisa que não é, mas faz de conta que é para ver como seria se fosse."

19.Fev.08

kosovo - dia 2

200px-Flag_of_Kosovo_svg

 (foto daqui)

 

Passada a euforia da festa para uns (kosovares) e o desespero de outros (sérvios), o novo país começa a receber os primeiros reconhecimentos. Embora seja previsível que o Kosovo venha a ser reconhecido pela maioria dos estados, há, no entanto, algumas hesitações e até recusas mais veementes. Como primeiro balanço, aqui se regista quem está ou não com o kosovo nesta hora certamente difícil.

 

SIM Não Talvez Não sabe

EUA

Alemanha

Reino Unido

França

Itália

Turquia

Albânia

Afeganistão

Rússia

Sérvia

Espanha

Chipre

Roménia

Eslovénia

Bélgica

Luxemburgo

Irlanda

Suécia

Dinamarca

Áustria

Polónia

Hungria

Estónia

Letónia

Lituânia

Bulgária

Portugal

China

Grécia

República Checa

Holanda

Finlândia

Eslováquia

18.Fev.08

kosovo - o mais jovem país

Nasceu ontem o mais recente estado. Hashim Thaçi , primeiro ministro kosovar , declarou a independência do Kosovo  em relação à Sérvia. Kosovo junta-se assim à Eslovénia, Croácia, Bósnia-Herzegobina , Macedónia, Montenegro, países independentes, que com a Sérvia formavam a antiga Jugoslávia.

A Sérvia reagiu agressivamente a esta declaração. Contra a independência estão também a Rússia e os países que temem o efeito dominó em algumas das suas regiões, como é o caso de Espanha e do Chipre. Os Estados Unidos da América estão claramente a favor, enquanto se espera que a União Europeia tome uma posição.

A capital do novo país é Pristina , uma cidade de cerca de 200 mil habitantes.

A bandeira nacional tem o desenho do país em amarelo sob 6 estrelas brancas, sobre um fundo azul.

 

16.Fev.08

síntese da semana (1)

DiaPositivo 

- Realiza-se o 9º Encontro de Escritores de Expressão Ibérica com mais de 66 participantes.

- Nelson Évora bate recorde nacional do triplo salto no meeting de Karlsruhe, na Alemanha, com a marca de 17,33 m, que também é a melhor do mundo no presente ano.

- Tribunal de Coimbra aceita a providência cautelar para suspender a avaliação dos professores.

- ARCO - feira de arte de Madrid - fala português.

- Oposição ataca sistema de avaliação de professores. 

 

 

 

DiaNegativo

 - O ataque suícida e desesperado de Reinado à soberania de Timor, nas pessoas de Ramos Horta e Xanana Gusmão.

- A reforma do ensino artístico e cooperativo por um ministério da educação completamente obstinado em destruir o sistema de ensino.

- Escola a tempo inteiro chega ao 2º ciclo.

 

13.Fev.08

correntes D'escritas

Começou hoje o 9º Encontro de Escritores de Expressão Ibérica, que terá lugar, na Póvoa de Varzim, até 16 de Fevereiro.

São mais de 60 os escritores participantes nesta edição. Mais de metade participa neste evento pela primeira vez. Angola, Argentina, Brasil, Colômbia, Cuba, Espanha, Guatemala, Guiné, Moçambique, Peru e Portugal são os países representados.


 

1.  Adolfo García Ortega (Espanha)

2.  Almeida Faria (Portugal)

3.  Amadeu Baptista (Portugal)

4.  Ana Paula Tavares (Angola)

5.  André Sant’Anna (Brasil)

6.  Aurelino Costa (Portugal)

8.  Carlos do Carmo (Portugal)

9.  Carlos Quiroga (Espanha/Galiza)

10. Carme Riera (Espanha/Catalunha)

11.  Cristina Norton (Argentina)

12.  Cristino Cortes (Portugal)

13.  Daniel Mordzinski (Argentina)

14.  Eduardo Halfon (Guatemala)

15.  Eduardo Mendoza (Espanha/Catalunha)

16.  Eugenia Almeida (Argentina)

17.  Filipa Leal (Portugal)

18.  Francisco José Viegas (Portugal)

19.  Ignacio del Valle (Espanha)

20.  Isabel da Nóbrega (Portugal)

21.  Ivo Machado (Portugal) 

22.  J.J. Armas Marcelo (Espanha)

23.  Janet Nuñez (Colômbia)

24.  João Paulo Cuenca (Brasil)

25.  Jorge Sousa Braga (Portugal)

26.  José Carlos de Vasconcelos (Portugal)

27.  José Eduardo Agualusa (Angola)

28.  José Emílio-Nelson (Portugal)

29.  José Manuel Vasconcelos (Portugal)

30.  José Manuel Saraiva (Portugal)

31.  José Norton (Portugal) 

32.  Juan Carlos Mestre (Espanha)

33.  Júlio Moreira (Portugal)

34.  Kiluanje Liberdade (Angola)

35.  Lêdo Ivo (Brasil)

36.  Leonardo Padura (Cuba)

37.  Lígia Walper (Brasil)

38.  Luís Machado (Portugal)

39.  Luís Serguilha (Portugal)

40.  Luiz Fagundes Duarte (Portugal)

41.  Manuel Rui (Angola)

42.  Manuela Azevedo (Portugal) 

43.  Marcelo Rebelo de Sousa (Portugal)

44.  Maria do Rosário Pedreira (Portugal)

45.  Maria Flor Pedroso (Portugal)

46.  Maria João Seixas (Portugal) 

47.  Maria Lúcia Lepecki (Brasil)

48.  Mário Pinheiro (Portugal)

49.  Mia Couto (Moçambique)

50.  Miguel Real (Portugal)

51.  Ondjaki (Angola)

52.  Onésimo Teotónio Almeida (Portugal)

53.  Oscar Málaga Gallegos (Peru)

54.  Paulina Chiziane (Moçambique)

55.  Pedro Teixeira Neves (Portugal)

56.  Pepetela (Angola)

57.  Rui Grácio (Portugal)

58.  Rui Zink (Portugal)

59.  Susana Fortes (Espanha)

60.  Tabajara Ruas (Brasil)

61.  Teresa Rita  Lopes (Portugal)

62.  Uberto Stabile (Espanha)

63.  valter hugo mãe (Portugal)

64.  Vergílio Alberto Vieira (Portugal)

65.  Vicente Martín Martín (Espanha)

66.  Waldir Araújo (Guiné

Das mais de 150 obras candidatas, o júri, constituído por Ana Paula Tavares, escritora, Carlos Quiroga, professor da Universidade de Santiago de Compostela, Luiz Fagundes Duarte, professor da Universidade Nova de Lisboa, Maria Lúcia Lepecki, professora catedrática da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e Patrícia Reis, escritora e editora da revista Egoísta, escolheu nove obras finalistas. São elas:

A Síndrome de Ulisses, Santiago Gamboa;

Camilo Broca, Mário Cláudio;

Combateremos a Sombra, Lídia Jorge;

desmedida, Ruy Duarte de Carvalho;

O Amor de Pedro por João, Tabajara Ruas;

O Outro Pé da Sereia, Mia Couto;

O sol se põe em São Paulo, Bernardo Carvalho;

Ontem não te vi em Babilónia, António Lobo Antunes;

Predadores, Pepetela.

Ruy Duarte Carvalho foi o vencedor do Prémio Literário Casino da Póvoa, no valor de 20 mil euros.

12.Fev.08

roleta americana

A possibilidade de o 44º presidente dos estados unidos ser uma mulhar ou um negro é bem real, como parecem indicar os últimos resultados das primárias já realizadas, embora ainda a procissão vá no adro, como se costuma dizer.

Confesso que a presença de uma mulher (a primeira) na Casa Branca seria muito interessante do ponto de vista de uma maior sensibilidade para outras questões que não apenas as do policiamento do mundo, mas contra Hilary Clinton joga o facto de o seu marido Bill Clinton já ter presidido durante oito anos e, provavelmente, ela não se libertar dessa imagem que não foi muito feliz, como se sabe.

Entre Bush e Clinton já passaram 2 décadas. Hilary pode muito bem ser mais do mesmo. A Casa Branca precisa de uma lufada de ar fresco.

Daí que a hipótese Barak Obama (seria o 1º presidente negro da história estadounidense) se apresenta como a mais desejável, do meu ponto de vista, para repor alguma justiça e representatividade ao povo americano.

Nas questões políticas, nada é linear, e muita água ainda vai correr debaixo das pontes até que saibamos quem será o(a) próximo(a) inquilino(a) da Casa Branca.

11.Fev.08

vale a pena lutar

Porto'08 182a

Os professores com a sua luta pela dignificação do ensino e da educação em Portugal, provaram uma vez mais que têm razão.

Desta vez, o Ministério da Educação teve de aceitar que os prazos intermédios não sejam cumpridos pelas escolas.

Perante a arrogância e prepotência da ministra e seus acólitos, que não ouvem ninguém, nem tribunais nem outras instituições, este recua é uma significativa vitória da luta dos docentes.

09.Fev.08

prémio - world press photo

Miguel Barreira, fotógrafo do Record foi galardoado com o terceiro lugar da categoria de desporto dos prémios World Press Photo .

O feito é tanto mais importante quanto é verdade que há cerca de 33 anos que nenhum outro português alcançou tal galardão.

A última vez que isso aconteceu foi no distante ano de 1974 com o mestre Eduardo Gageiro .

Parabéns a Miguel Barreira.