Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

"à espera de godot"

"... é uma coisa que não é, mas faz de conta que é para ver como seria se fosse."

"à espera de godot"

"... é uma coisa que não é, mas faz de conta que é para ver como seria se fosse."

24.Jan.07

infâmia

Foi publicado o ECD do Ministério da Educação, há alguns dias. O  ME decidiu congelar por mais um ano a contagem de tempo de serviço para progressão na carreira dos docentes, roubado desta forma muitos milhares de euros  a cada professor.

A medida não seria, não é, uma surpresa vinda de onde vem, de um ministério para quem os docentes são pouco mais que empecilhos.

o que é infame é que ao mesmo tempo que são infringidos sacrifícios a uma sector da população activa deste país, haja, ao mesmo tempo quem recebe, só de subsídio de alojamento, mais do que muitos desses docentes privados do justo pagamento pelos seus serviços.

É vergonhoso que quem deveria dar o exemplo de austeridade se permita atribuir a si próprio um subsídio de alojamento, como é o caso do titular do Ministério das Finanças.

Vejamos:

Ministro das Finanças (e de Estado) - Teixeira dos Santos - subsídio 1304 € (em Agosto de 2005)
Ministro dos Negócios Estrangeiros - Luís Amado - Subsídio de 1324 €
Secretário de Estado de Administração Interna - Ascenso Simões - Subsídio de 1304 € (desde Setembro de 2005)
Subsecretário de Estado de Administração Interna - Rocha Andrade - Subsídio de 1304 €

Haja moralidade.

Dados recolhidos aqui, depois de visita a este blogue.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.